YOU 1×05: Living with the Enemy

Chegamos na metade da primeira temporada de YOU com um episódio importante para o futuro da série.

0
350
portal-comenta-you-1x05-living-with-the-enemy
Foto: Banco de Séries


Living with the Enemy é um daqueles episódios que dizem muito sobre o caminho que a série vai tomar.

Neste episódio confirmou o que eu já vinha dizendo em outros textos. A garota nutre uma paixão secreta por Beck e Joe descobriu isso. Aliás, foi muito bom ver o embate entre os dois personagens e perceber que eles não são diferentes. Ainda não sei se vão apresentar a Peach como uma psicopata, mas pudemos perceber que ela não mede esforços para conseguir o que quer – como forjar uma tentativa de suicídio.




Essa passividade de Beck me incomoda, mas isso faz com que eu morra de pena da personagem. Joe jura que é a pessoa que vai ajuda-la a resolver todas as suas questões pessoais e profissionais, mas a gente sabe o que ele representa. Assim como as amigas dela, nenhuma parece ser verdadeira e são fúteis. Beck é a mais verdadeira e a que abre mão de sua própria vida para estar do lado delas. 

Quando Peach armou a festa com aquele escritor famoso, juro que pensei que era com a intenção de ajudar a amiga. Mas é o que eu disse, esse episódio serviu para mostrar que Beck está rodeada de pessoas perigosas e egoístas. O mais triste foi vê-lo tentando abusar da aspirante a poeta, assim como o professor fez recentemente. Ainda bem que a personagem tem força e não abaixa a cabeça.

Esse é um dos pontos que mais me surpreendeu na série. No primeiro episódio achei que Beck não seria uma personagem tão boa, mas ela se revelou uma mulher cheia de inseguranças, frustrações e muito verdadeira. 

Joe me surpreende demais a cada episódio. A forma como a gente tem acesso ao que ele pensa torna tudo mais saboroso. Infelizmente, eu sabia que Peach seria sua próxima vítima, mas não imaginava que seria tão rápido. Quando ele atinge a amiga de sua namorada com uma pedra, ela cai e ele sai correndo, não precisava ser muito inteligente pra entender que ela não tinha morrido. 

Joe é um stalker que tem a coragem de matar, mas habilidade zero. É tudo no impulso e com a certeza de que irá ajudar a namorada. Peach não é diferente de Joe, mas não sabemos se ela tem essa tendência assassina. O que será que irá acontecer depois desse episódio?

Após um episódio sem aparecer, Paco voltou e já não aguentava mais o namorado agressivo de sua mãe. Quase no final do episódio quando olha pelo olho mágico e pensa que não conseguiu ajudar o garoto, a gente percebe como ele se sente no dever de resolver todas as questões na vida de pessoas que ele considera importantes para ele. 

Quando Paco droga o namorado de sua mãe, e Joe tenta ajuda-lo, o cara acorda e espanca o gerente da biblioteca. É muito insano a cena em que ele todo machucado, começa a sorrir quando Beck liga – pena que a felicidade acabou no instante que descobriu que Peach tinha sobrevivido.

Enfim, foi um episódio que serviu para mostrar um pouco mais da relação de Beck com as amigas. Por tanto, ele deixou um pouco a desejar e só foi ter uma ação nos minutos finais. E tudo muito rápido. 

Chegamos na metade da temporada e acho que uma série de dez episódios não precisa segurar a trama durante muito tempo. O passado de Joe é algo que ficou em segundo plano até então, seria interessante se eles não deixassem tudo para o final da temporada.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here